JÁ ERA HORA

Enfim desencalhou o COT da UFMT

Complexo esportivo que deveria ser usado pelos times que disputaram a Copa de 2014 será inaugurado na próxima terça (28), cinco anos depois

Gabriel Soares

Editor Chefe

22/01/2020 16h15 | Atualizada em 22/01/2020 16h13

Enfim desencalhou o COT da UFMT

Rodolfo Perdigão/Secom-MT

Considerada uma das principais obras da Copa do Mundo de 2014, o Centro Olímpico de Treinamento da Universidade Federal de Mato Grosso (COT UFMT) finalmente foi concluído, quase seis anos após os jogos do Mundial. O anúncio oficial foi feito pelo governo estadual nesta terça (21), convidando para a cerimônia de inauguração que ocorrerá no dia 28 de janeiro, com a entrega do complexo esportivo à Universidade.

Com um investimento total de R$ 17,1 milhões, o complexo tem campo de futebol, pista de atletismo e arquibancada para receber até 1.500 pessoas. O local deveria ser usado para o treinamento das seleções que jogaram na Arena Pantanal durante a Copa, e agora servirá para treinamento de atletas de alta performance.

O complexo comporta também seis salas de aula, quatro camarotes, um local para lanchonete, sala antidoping, auditório, elevador com acessibilidade, duas salas de apoio, uma sala técnica, dois depósitos e um mirante.

“No início da sua gestão o governador nos pediu para que fizéssemos um trabalho muito sério para que pudéssemos retomar essas obras e dar uma conclusão. É inadmissível que um Estado espere sete a oito anos para entregar uma obra como a implantação e duplicação da Avenida Parque do Barbado e o COT UFMT, que eram para estar finalizadas em 2014. E agora as duas estão finalizadas”, disse o secretário Marcelo de Oliveira, titular da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra).

Segundo informações da equipe técnica da Secretaria Adjunta de Obras Especiais, da Sinfra, o término da obra foi possível após uma série de tratativas com a empresa responsável pela obra e a quitação de pagamentos que não vinham sendo feitos desde 2014, bem como a resolução de pendências técnicas realizadas em parceria com a UFMT, responsável pelo projeto do COT.

OUTRAS OBRAS

Marcelo de Oliveira afirmou que a Sinfra também já iniciou os trabalhos para retomar as obras de revitalização do córrego Mané Pinto, na Avenida 8 de Abril. A previsão é que seja concluída até dezembro deste ano.

A equipe da Sinfra também trabalha para reiniciar, ainda neste ano, as obras de revitalização e duplicação da Avenida Archimedes Pereira Lima, a Estrada do Moinho.

(Com informações da assessoria)

Comente, sua opinião é Importante!