PUBLICIDADE
PRESA E DEMITIDA

Servidora de VG é presa por aliciar menores para prostituição

Na audiência, o juiz plantonista manteve a prisão de Ingrid que foi encaminhada para o presídio Ana Maria do Couto May

Jefferson Oliveira

Acesse o Blog

07/11/2019 18h17 | Atualizada em 30/11/-0001 00h00

Servidora de VG é presa por aliciar menores para prostituição

Reprodução

Uma jovem de 23 anos identificada como Ingrid Keliany Gomes da Silva, 23, que é servidora contratada da Prefeitura Municipal de Várzea Grande, foi detida pela Polícia Civil pelo crime de estupro de vulnerável após aliciar e explorar garotas menores de idade para praticar programas sexuais.

Os policiais deram cumprimento ao mandado de prisão expedido pela 4ª Vara Criminal de Várzea Grande. Os policiais do Núcleo Especializado em Busca e Capturas da Polinter, conseguiram deter a jovem e prendê-la.

Segundo a denúncia, a jovem aliciava as garotas menores para praticarem sexo com homens maiores de idade, e inclusive um dos clientes seria o namorado de Ingrid. A jovem prestou esclarecimento ao delegado e foi encaminhada para a audiência de custódia.

Na audiência, o juiz plantonista manteve a prisão de Ingrid que foi encaminhada para o presídio Ana Maria do Couto May, e deverá permanecer presa até a data do julgamento. Ingrid era contratada da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Espote e Lazer, e foi afastada das funções imediatamente.

A assessoria da prefeitura ainda informou que caso a jovem seja inocentada, retornará as suas funções e recontratada. Por se tratar de caso envolvendo menores de idade o inquérito está sob segredo de justiça.

Comente, sua opinião é Importante!